Eleições 2022: Mauro Mendes escolhe Wellington Fagundes

Decisão foi informada ao também candidato ao Senado Neri Geller, por telefone, e coloca fim a meses de idas e vindas sobre apoiadores

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O governador Mauro Mendes (União Brasil) oficializou sua aliança com o candidato à reeleição e senador Wellington Fagundes (PL), para a campanha 2022. A decisão foi repassada ao deputado federal Neri Geller (PP), que estava na expectativa de garantir o apoio de Mendes. 

 

CURTA NOSSA FANPAGE NO FACEBOOK – CLIQUE AQUI

A informação foi confirmada ao LIVRE pela assessoria de imprensa. A decisão coloca fim a negociações que começaram em abril, com uma conversa de Mauro Mendes com o presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto, em Brasília. 

Também indica que o União Brasil deve aderir ao palanque de Jair Bolsonaro, no mesmo grupo político de Wellington Fagundes. E, consequentemente, resolver pela aliança com um único candidato ao Senado. 

A hipótese de palanque aberto vinha sendo sustentada pelo governador até ontem (1º), quando disse que não era uma articulação nem descartada e nem aceita. Uma das exigências de aliança do Partido Liberal (PL) é que Bolsonaro não divida espaço com outros candidatos à Presidência.  

O grupo em torno do deputado federal Neri Geller interpreta a escolha de Mauro como descumprimento de um cargo firmado em 2021, quando ficou costurado a pré-candidatura de Neri Geller ao Senado e de Mauro Mendes ao governo, numa mesma aliança. 

Geller agora deverá encaminhar sua aliança com a federação PT, PV, PCdoB, com a candidatura da primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro (PV) como primeira suplemente. Ele deverá puxar o apoio do senador Carlos Fávaro (PSD), outro nome hoje na base do governo. 

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM-INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) – CLIQUE AQUI

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

FONTEReinaldo Fernandes/ O Livre
Artigo anteriorPF cumpre dois mandados em MT em operação contra fraudes em contas eletrônicas
Próximo artigoMT: Morre menino de três anos atingido por explosão de galão de álcool