UFMT estabeleceu um prazo para servidores e estudantes apresentarem comprovante de vacina

Cobrança do comprovante de vacina havia sido suspensa pela Justiça, mas a liminar acabou derrubada

Foto: Ednilson Aguiar/O Livre

A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) estabeleceu um novo prazo para que funcionários e alunos apresentem o comprovante de vacinação contra a covid-19. Quem deseja frequentar as instalações da instituição deve entregar o documento até o dia 30 de junho.

 

CURTA NOSSA FANPAGE NO FACEBOOK – CLIQUE AQUI

A obrigatoriedade de apresentação do comprovante de vacina havia sido suspensa por determinação da Justiça, mas uma decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) reformou essa liminar.

De acordo com a UFMT, será aceito como comprovante de vacinação o certificado disponível nas plataformas online do Ministério da Saúde ou mesmo a carteirinha física, entregue pelas prefeituras a quem tomou, pelo menos, uma dose da vacina contra a covid.

No caso dos servidores, quem não entregar o documento terá o nome incluso em uma lista sigilosa destinada à administração da Universidade. No caso dos estudantes, as coordenações dos cursos devem cobrar o envio do documento por meio digital.

O comunicado desta quarta-feira (15), que cobra a apresentação do documento dentro do prazo, não informa que medidas serão adotadas contra aqueles que não tomaram as vacinas ou não apresentarem o comprovante.

 

PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM-INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) – CLIQUE

CURTA NOSSA FANPAGE NO FACEBOOK – CLIQUE AQUI

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

FONTEO livre /
Artigo anteriorPrefeitura de Nova Mutum intensifica a renovação da frota
Próximo artigoPesquisa aponta que o Brasileiro demora 39 meses para procurar ajuda para depressão